PRÓTESE DENTÁRIA

  • RESTAURAÇÃO / SUBSTITUIÇÃO DE DENTES PERDIDOS

    Constituem tratamentos para restaurar ou substituir um elemento dentário perdido, fraturado ou com necessidade de proteção. Coroas, próteses fixas são os tipos mais comuns de próteses. Em casos de perdas de muitos dentes ou de todos os dentes, temos próteses removíveis parciais ou totais como alternativas de tratamento.

    A prótese dentária (ou prótese dental) é o artefato que se propõe a substituir a função original dos dentes perdidos ou ausentes, podendo ser classificada como Prótese Fixa unitária (elementos isolados), Protese Fixa com mais de um elemento (pôntico), Prótese Parcial Removível (P.P.R.) ou Prótese Total (P.T.).

    O seu principal objectivo é a reabilitação bucal, em todas as suas funções: estética, fonética e mastigação. Repõe ou restaura de forma indirecta (por meio laboratorial) os (dentes), por meio de confecção de próteses fixas (coroas em metal, porcelana e materiais poliméricos e pontes) ou próteses removíveis como prótese total, a popular dentadura ou prótese parcial removível, ponte móvel. Recentemente encontramos próteses modernas produzidas sobre implantes como overdentures, próteses fixas livres de metal (metalfree) e próteses protocolo

    Não se deve confundir protesista (cirurgião-dentista especialista em prótese dentária) com o técnico em prótese dentária, que presta serviço para o cirurgião-dentista e não deve atender directamente o paciente de odontologia por ter orçamentos mais em conta.

  • PRÓTESE DENTÁRIA